Siga por e-mail

sábado, 27 de junho de 2009

Quarto dia do projeto - Professor Marcelo



Escola Municipal Monsenhor José Carneiro pinto
Projetos: Sementes para o futuro.
Conhecendo nosso distrito
Professor: Marcelo Benedito de Souza
29/04/2009


Período Matutino

Conhecendo nosso Distrito

Objetivo do dia


· Compreender a importância das escalas;
· Conhecer as diversas representações que podem indicar uma escala;
· Perceber as diferentes escalas utilizadas em diversos mapas;
· Trabalhar com transformações de unidades de medidas(M-CM-KM);
· Analisar o tamanho real de áreas pré-definidas, no mapa em que estiver trabalhando;


Desenvolvimento do trabalho

Primeiramente distribuí um mapa para cada aluno, para realização de posteriores atividades.
Iniciei com explanando a necessidade em se usar a escala na construção de mapas, dando-lhes exemplos das diversas maneiras que as mesmas podem aparecer nos mapas.
Entreguei aos alunos uma folha xerocada, na qual explicava a utilidade e necessidade das escalas.
Passei algumas escalas na lousa, em centímetros, para que os alunos pudessem perceber como ocorre o processo de transformação da unidade de medida. Para que o conteúdo ficasse realmente assimilado, cada um encontrou a escala em seu mapa e anotou na lousa. Depois de terminada esta parte do trabalho, cada aluno foi descobrir, a partir da transformação da unidade, quanto valia (em Km) cada centímetro de seu mapa.
Num segundo momento cada aluno teve que escolher dois pontos distintos do seu mapa, para que um outro colega descobrisse o tamanho real do mesmo.
A supervisora da manhã visitou-nos, ela gostou das atividades realizadas.

Sementes para o futuro

Arrumamos e instalamos a mangueira que servirá para a irrigação das mudas.
No dia de hoje também plantamos umas mudas de cerejeiras que dão somente flor, doadas pela moradora do distrito, Dulcilene.


Algumas fotos do trabalho com mapas e a visita da supervisora Dione...






















Período Vespertino

Objetivos do dia

Obs.: O principal objetivo do dia é consolidar o que foi trabalhado no encontro anterior.

· Conhecer o raciocínio para criação da rosa-dos-ventos;
· Familiarizar-se com os pontos cardeais e colaterais localizando-os nas bússolas que serão usadas durante a realização projeto;
· Interagir com a comunidade e conhecer as ruas com seus respectivos nomes.




Desenvolvimento do trabalho

Fiz uma recapitulação da aula anterior, e para que não perdêssemos tempo fomos para a rua, terminando o que havíamos começado na aula anterior.
Fomos até a saída para o bairro do Pinhalzinho; até a saída para o Ribeirão das Pedras e a saída para a cidade de Gonçalves.
Em cada um dos locais encontramos seu norte e fomos observando em que direção se localizavam alguns pontos de referência como a Igreja, o campo de futebol, a escola, etc.
Mostrei-lhes que, de acordo que mudávamos de lugar tínhamos que seguir outra orientação para chegarmos ao ponto que estávamos analisando.
Exemplo.
Quando estávamos na saída para o pinhalzinho, a igreja se encontrava a 140º e quando fomos para a saída que leva à Gonçalves, a igreja se encontrava à 340º.
Terminando as localizações em pontos diferenciados do Distrito, voltamos para a escola.

Professor Marcelo

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Primeiro Sábado - 25/04/2009 - Prof. Marcelo e Prof.Juliana

Conhecendo nosso Distrito

Objetivos do dia

· “Conhecer” o morro onde se localiza a torre da internet, explorando seu visual e características geográficas;
· Desenvolver o hábito de fazer caminhada;
· Compreender e enfatizar a necessidade em se preservar o meio ambiente;

Portifólio Professor Marcelo


Eu e a galera
Desenvolvimento:

Os alunos foram divididos em duas turmas, enquanto uma turma ia comigo fazer a caminhada, a outra ficou na escola fazendo papel reciclado com a professora Juliana.
Combinei com os alunos da escola que o passeio seria livre para quem quisesse participar.
Na primeira turma , além dos quatro alunos que foram escolhidos para participar, compareceram mais 21 alunos e, na segunda turma, foram 17. vale destacar que alguns alunos participaram dos das duas turmas.
Subimos por uma trilha que passa por uma pequena reserva de Mata Atlântica, que fica bem próxima ao centro do Distrito e depois de atravessar alguns pastos chegamos até a torre da internet.
Chegando lá em cima estimulei a observação dos morros que nossas vistas alcançavam, todos ficaram encantados em ver a Pedra de São Domingos que é ponto mais alto de nosso município, alcançando os 2050 metros de altitude.
Depois de observarmos em silêncio a paisagem, discutimos sobre alguns assuntos com relação a proteção ambiental, tais como, reflorestamento, aquecimento global, preservação das nascentes, dentre outros.
Deixei um tempo livre para bate-papo e brincadeiras. Alguns alunos encontrara folhas de coqueiro, que foi utilizada como “canoa” e, os alunos desciam escorregando no morro, foi muito divertido.
Quando a 2ª turma estava voltando, recolhemos o lixo existente no local. Infelizmente até lá ele estava presente.

Fotos da caminhada - 1ª Turma
Alongando tudo... era só costela estralando...

Praça São João Batista






Devagar a gente chega lá.





Olhem nosso objetivo... a torre da internet.



Apreciem o visual.




Nosso cantinho em nova pose.



Nas fotos abaixo, algumas fotos do pessoal.





Fotos da caminhada - 2ª Turma




O Distrito em foco.





Força na subida pessoal

Oha que lindo. Ao fundo Pouso Alegre... não se vê...
Um descanso para terminar a subida.

Sarinha e sua animação... muita brincadeira.
Um ângulo nunca registrado do Distrito.

Lavínia apreciando o visual.

Olha a pose.

Pedra de São Domingos - Ponto culminante do município - 2050 metros de altitude.

Visual do Distrito

Bárbara e seu moderno celular.

Eu e os pimpolhos.


A hora do lanche

Esqueceram de tirar foto minha mas eu não estava de regime, rsrsrs.


Portifólio: Professora Juliana



Nesse dia, aproveitamos o tempo disponível para trabalharmos um pouco mais, assim garantimos dias que não serão possíveis trabalhar normalmente por motivos de chuvas ou feriados e também, é uma forma de dar oportunidade para outros alunos que não fazem parte do curso de participar desse trabalho tão prazeroso e educativo. Os alunos escolhidos foram:
6º ano: Anderson Cristiano da Costa e Souza, Kaique Miguel de Souza (faltou), Damille Paulina da Costa (faltou), Rosiane Layd Machado.
7º ano: Ítalo José Alvarenga de Souza, Mariane Ribeiro de Brito, Natielle Brenda da Costa
8º ano: Iasmine Ariele de Almeida Paula, Hamadiny Luiza de Lima.
Durante a oficina usamos o papel produzido durante a semana da sala dos professores. E fizemos, mais ou menos, 60 folhas de papel reciclado. Realizamos passo a passo do processo de reciclagem para que todos pudessem entender como ocorre toda a transformação do papel.
As atividades foram realizadas dividindo a turma em duas equipes e em dois momentos, onde uma equipe ficou na escola comigo na oficina de reciclagem e a outra ficou com o professor Marcelo na caminhada (que teve como objetivo trabalhar assuntos relacionados ao Meio Ambiente, como a poluição das ruas, aquecimento global etc.), que será relatada pelo próprio professor. Após o intervalo, trocamos as turmas e assim todos participaram das duas atividades.



Bem limpinho...

Acho que ela estava rindo...
Que bela produção.